MP pede inquérito para apurar crimes ambientais

Supressão de vegetação nativa e aterro à margem de rodovia estadual (Foto: Severino Carvalho)
Supressão de vegetação nativa e aterro à margem de rodovia estadual (Foto: Severino Carvalho)

O promotor de Justiça da Comarca de São Luís do Quitunde, Jorge Luiz Bezerra da Silva, requisitou, nesta quinta-feira, abertura de inquérito policial para apurar denúncias de crimes ambientais. De acordo com ele, áreas de manguezal estariam sendo suprimidas e aterradas em diversos pontos do município situado na região Norte do Estado.

Jorge Bezerra ainda requisitou que o Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA/AL) faça um trabalho de fiscalização  em todo o município de São Luís do Quitunde no intuito de coibir tais crimes. O promotor recomendou também que a prefeitura municipal promova o embargo de todas e quaisquer obras em áreas de manguezal.

“São diversas as notícias de construções irregulares e aterramento de mangue por trás da garagem da prefeitura, nas imediações da Rua Capitão Samuel Lins e às margens da AL-430, dentre outros pontos”, relatou Jorge Bezerra, que esteve, esta manhã, reunido com técnicos do IMA em seu gabinete, em São Luís do Quitunde.

One thought on “MP pede inquérito para apurar crimes ambientais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *