Chuvas causam estragos e deixam municípios em alerta

Nível do Rio Manguaba, em Porto Calvo, subiu quatro metros (Fotos: Severino Carvalho)
Nível do Rio Manguaba, em Porto Calvo, subiu quatro metros (Fotos: Severino Carvalho)

As chuvas que caem na região Norte do Estado provocaram estragos nas rodovias estaduais e elevaram os níveis dos rios nos municípios de Porto Calvo, Matriz do Camaragibe, São Luís do Quitunde, Jacuípe, Jundiá e Campestre.

Em Maragogi, ruas centrais e periféricas  ficaram alagadas. Nos conjuntos Aviário e Risca Faca (Deda Paes) casas foram inundadas. No Virgem dos Pobres, o esgoto da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) sagrou da tubulação e invadiu as moradias.

Umas das ruas mais afetadas em Maragogi foi a Padre José Wenekes, onde as águas das galerias pluviais transbordaram e se juntaram ao esgoto da Casal. No Alto da Boa Vista (Grota), parte de uma casa desabou. O imóvel foi isolado pela Defesa Civil Municipal. Ninguém se feriu. 

Ao menos 30 casas desabaram no Risca Faca
Ao menos 30 casas desabaram no Risca Faca, em Maragogi

Ouvintes da rádio Maragogi FM relataram que houve deslizamento de barreiras na Grota e que outros imóveis também foram atingidos. Diversas localidades ficaram sem energia elétrica.

No Risca Faca, dezenas de casas sofreram avarias por causa das Chuvas e pelo menos 30 desabaram. Os moradores ocuparam as unidades habitacionais que estão sendo construídas pela prefeitura no Conjunto Mutirão. Outras migraram para acampamentos sem-teto espalhados pelo município. Entretanto, muitos ainda resistem dentro dos decrépitos imóveis, que ameaçam desabar.

Barreiras também deslizaram sobre a rodovia AL-465, em Japaratinga. O tráfego de veículos encontra-se em meia pista em dois trechos da estrada.

Rodovia AL-465 em Japaratinga foi tomada pela lama
Rodovia AL-465 em Japaratinga foi tomada pela lama

Equipes do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) trabalham na remoção da lama e das pedras depositadas sobre o asfalto, com o auxílio de máquinas e caçambas. Entre Matriz do Camaragibe e São Luís do Quitunde, uma árvore caiu na AL-105, mas já foi removida.

As águas do Rio Manguaba, em Porto Calvo, subiram cerca de quatro metros acima do nível normal e já alagam as áreas baixas do município.

A situação é semelhante com os rios Camaragibe, em Matriz do Camaragibe, e Santo Antônio, em São Luís do Quitunde. O Rio Jacuípe também teve o nível das águas elevado por causa das chuvas. As comunidades ribeirinhas estão em alerta nas cidades de Campestre e Jacuípe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *