Governador sente-se mal e suspende inaugurações

Governador sentiu-se mal em Japaratinga, mas voltou para descerrar placa (Foto: Severino Carvalho)
Governador sentiu-se mal em Japaratinga, mas voltou para descerrar placa (Foto: Severino Carvalho)

Atualizado às 16h10

O governador de Alagoas, Teotonio Vilela Filho (PSDB), sentiu-se mal, na manhã desta terça-feira (30), ao desembarcar em Japaratinga, onde entregaria obras de infraestrutura em quatro municípios da região Norte do Estado. Por recomendação médica, Téo suspendeu toda a agenda prevista para o dia de hoje e seguiu para Maceió, onde realizará exames médicos.

“Estou com um problema de arritmia, tanto que eu vou descerrar a placa, dá duas palavrinhas aqui para vocês e pedir permissão para ir a Maceió fazer exames com mais cuidado. Estou bem graças a Deus”, disse o governador a GazetaWebMaragogi.com.

Téo chegou a Japaratinga de helicóptero por volta das 10 horas e sentiu-se mal. Ele foi levado à Unidade Mista de Saúde de Maragogi, onde foi medicado e liberado em seguida. O governador retornou a Japaratinga.

Ele descerrou a placa de inauguração da pavimentação de 5 km em paralelepípedos da AL-101 Norte e da Unidade Básica de Saúde de Barreiras do Boqueirão. Vilela cancelou as inaugurações que faria da AL-460, em Porto Calvo e Porto de Pedras, e de uma escola edificada pelo Programa da Reconstrução, em Jacuípe. Ele seguiu para Maceió.

Mantida

Às 15 horas, em sua página no Facebook, o governador relatou o problema de saúde, mas reafirmou que está bem. Ao chegar em Maceió, ele foi levado à Santa Casa de Misericórdia, onde foi medicado e permaneceu em observação; deve receber alta médica ainda hoje. Téo ficará de repouso por 48 horas.

“Hoje pela manhã, depois que inaugurei a estrada Porto de Pedras – Japaratinga, uma das mais lindas do nosso litoral Norte, tive uma crise de arritmia que me trouxe à Santa Casa. Passo bem, mas, por recomendação médica, precisarei ficar em repouso absoluto por, no mínimo, 48 horas”, relatou.

Apesar do ocorrido, o governador determinou que a agenda de trabalho prevista para hoje e amanhã seja mantida pelos secretários e dirigentes de órgãos.

“Ainda hoje, o nosso governo entrega mais escolas em Jacuípe e Joaquim Gomes, faz vistoria nas obras da rodovia entre Porto de Pedras e Porto Calvo, inaugura o JÁ no Maceió Shopping, faz doação de UTI móvel ao Instituto Kemon e entrega a restauração do Memorial Teotônio Vilela”.

3 thoughts on “Governador sente-se mal e suspende inaugurações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *