Moradores desaprovam construção de garagem em praça

No lugar da praça, a prefeitura ergue uma garagem (Foto: Severino Carvalho)
No lugar da praça, a prefeitura ergue uma garagem (Foto: Severino Carvalho)

Moradores da Rua João Noberto da Rocha, em Passo do Camaragibe, Litoral Norte de Alagoas, contestam a destruição do que seria uma praça para a edificação e ampliação de uma garagem pela prefeitura municipal. Eles reclamam que não foram consultados sobre a obra e reivindicam a revitalização do espaço público de lazer.

“Havia um canteiro e alguns bancos aqui. O local servia para o povo se distrair. Ninguém está de acordo com o que aconteceu”, disse o mecânico Lédson dos Santos, 31 anos, em entrevista à Gazeta de Alagoas, edição desta quinta-feira (23).

Os moradores reclamam que, ao invés de destruir a praça e edificar no local uma garagem para os veículos da frota municipal, a prefeitura deveria revitalizar o espaço público de lazer.

“Ninguém concorda com essa coisa horrorosa. Todo mundo está reclamando, fora o barulho de carro que vai ser depois que a garagem for construída. Aqui havia uma praça com um canteiro e até um brinquedinho para as crianças, mas os vândalos destruíram tudo. Na minha opinião, a praça deveria ser recuperada”, declarou a professora aposentada Leonor Jacinta, 63.

Para os moradores que residem no entorno da praça, a construção da garagem vai interferir na paisagem e na circulação do vento, tornando o espaço menos agradável. Eles ainda reclamam que não foram consultados sobre a obra.

“Eu não concordo com a construção da garagem porque tira toda a visão das casas e acaba com um espaço de lazer”, contestou a dona de casa Maria José da Conceição, 60.

A prefeitura de Passo do Camaragibe esclareceu que no local não existia praça, apenas um canteiro com uma palmeira centralizada. Segundo o município, a obra se faz necessária em virtude do crescimento da frota. De acordo com a secretária de Finanças, Mariana Messias, e de Administração, José Jair dos Santos, a garagem que existe à margem do Rio Camaragibe já não comporta a grande quantidade de máquinas e de veículos e, por isso, precisa ser expandida em direção à área reivindicada pelos moradores.

Já a antiga garagem, de espaço reduzido, foi desativada e deu lugar à obra de expansão de um posto de saúde. “Estamos reformando a garagem e ampliando num espaço onde não necessitamos fazer desapropriação porque já pertence ao município. O que existia ali era um tipo de pátio calçado, usado para a manobra dos veículos. Isso é queixa da oposição”, rebateu a secretária.

2 thoughts on “Moradores desaprovam construção de garagem em praça

  1. A PREFEITURA TEM UM TERRENO COM 8 HECTARES, PRÓXIMO AO CEMITÉRIO MUNICIPAL, A PRAÇA EXISTIA SIM, A PRAÇA EXISTIA SIM, O QUE ACONTECE É QUE A GESTORA SE ACHA ACIMA DA LEI. NÃO RESPEITA A POPULAÇÃO, E É CLARO QUE SECRETÁRIOS VÃO DEFENDER, POIS SE TRATA DE CARGOS COMISSIONADOS. SOCORRO GCOC. SOCORRO TRIBUNAL DE CONTAS. SOCORRO PF. QUEM PODERÁ NOS RESGATAR? SERÁ CHAPOLIN COLORADO?

  2. Quem mora em Passo de Camaragibe sabe muito bem que este local chegou a ter um “parquinho” a mais de 23 anos atrás, mas o mesmo foi destruído por vândalos.
    Em 2007, a prefeita Márcia construiu, no que era apenas um pátio calçado que dava acesso a Garagem Municipal, um canteiro com uma palmeiras e bancos, todavia, a partir de 2009 com a nova gestão o local ficou abandonado, a nova prefeita, Vânia, já não quis conservar o local pois havia sido uma pequena obra da nova gestora; O mesmo estava servindo como lixeira a céu aberto. Vânia também destruiu quadras poliesportivas e desativou postos de saúde construídos enquanto Márcia prefeita. A garagem não é obra desnecessária, é preciso fazê-la pois a outra garagem será desativada( garagem atrás do PSF centro) dando lugar a ampliação da UBS centro. Isso é intriga da oposição!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *