Esgoto da Casal vaza e atinge praia urbana de Maragogi

Esgoto vazou na Rua Pedro de Melo, encontrou a rede de águas pluviais e estourou na praia urbana da cidade (Fotos: Severino Carvalho)
Esgoto vazou na Rua Pedro de Melo, encontrou a rede de águas pluviais e estourou na praia urbana da cidade (Fotos: Severino Carvalho)

Pela segunda vez esta semana, o esgoto da rede pertencente à Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) vazou pelas caixas de visita espalhadas pelas ruas centrais de Maragogi, no Litoral Norte de Alagoas.

Dessa vez, os efluentes sem tratamento e altamente poluidores encontraram as redes de águas pluviais e foram desaguar na praia urbana da cidade, nas proximidades da Praça dos Idosos, à Avenida Senador Rui Palmeira, na manhã de quinta-feira (05).

“A primeira sensação que fica é de decepção. Um mar tão bonito não merece receber esgoto”, lamentou a turista Crislaine Felizardo, superintendente de Recursos Humanos, que mora em Foz do Iguaçu, Paraná.

Ela se deparou com o esgoto sendo lançado da praia enquanto aguardava o embarque para as piscinas naturais de Maragogi, principal atrativo turístico do lugar, a 6 km de distância da costa marítima e, por isso, livres da poluição.

As ruas mais afetadas pelo vazamento de esgoto, na manhã desta quinta-feira (05), são a Pedro de Melo e a Padre José Weneks. Este logradouro, na terça-feira passada, também sofreu com o mesmo problema que é recorrente.

“É direto assim. A última vez foi no carnaval. Ficou vazando cinco dias sem parar”, denunciou a dona de casa Josélia Maria da Silva, moradora da Rua Pedro de Melo, paralela à orla marítima.

Esgoto da Casal encontra rede de águas pluviais na Rua Pedro de Melo
Esgoto da Casal encontra rede de águas pluviais na Rua Pedro de Melo

Assim como na terça-feira, o escritório da Casal em Maragogi informou que o problema na rede foi causado pelo desligamento do transformador que alimenta a Estação Elevatória 03, provocado por um caminhão carregado com cana-de-açúcar que esbarrou na rede da Eletrobras Distribuição Alagoas ao passar pela AL-101 Norte.

Ainda de acordo com a Casal, a concessionária de energia elétrica já foi acionada e deve fazer os reparos na rede ainda hoje para que o sistema da Estação Elevatória 03 volte a operar normalmente.

Os moradores criticam a ineficiência do sistema de esgotamento da Casal que, além de não cobrir toda a cidade, apresenta falhas e, mesmo assim, penaliza a população com a cobrança da taxa de saneamento, que incide em 80% sobre o valor cobrado pelo consumo de água por unidade habitacional.

À tarde, o escritório da Casal em Maragogi informou que o transformador da Estação Elevatória 03 foi religado e o vazamento, contido ainda no fim da manhã de quinta-feira.

2 thoughts on “Esgoto da Casal vaza e atinge praia urbana de Maragogi

  1. mais uma vez a casal!!! que além de ser uma vergonha para Alagoas,não respeita nem os alagoano nem a natureza,dinheiro para investir existe cobrando uma taxa absurda de 80% onde não se investe nem 5% é uma vergonha!!! casal! vergonha de Alagoas.

  2. Já que em prte foi culpa da eletrobras tb, pq a materia nao foi coloca assim: caminhao bate em poste e esgoto da casal vaza e atinge a praia…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *