Dois são presos por furto e receptação de baterias

Baterias eram vendidas a donos de paredões automotivos (Foto: Severino Carvalho)
Baterias eram vendidas a donos de paredões automotivos em Porto Calvo (Foto: Severino Carvalho)

Policiais da 8ª Delegacia Regional de Matriz do Camaragibe apreenderam, na tarde desta segunda-feira (04), 18 baterias e diversos equipamentos de telecomunicação furtados da torre de telefonia móvel da empresa Oi / Telemar, localizada em Matriz do Camaragibe, região Norte do Estado. Duas pessoas foram presas em Porto Calvo, uma delas autuada em flagrante por crime de furto qualificado e outra por receptação.

A operação foi coordenada pelo delegado regional, Belmiro Cavalcante. Segundo ele, as baterias eram furtadas e vendidas a donos de paredões, potentes aparelhos de som automotivo.

Dono de uma equipadora de som automotivo em Porto Calvo, Iran da Costa Santos Júnior, 22 anos, foi preso e autuado em flagrante pelo crime de furto qualificado. Ele é acusado de ter participado do arrombamento à torre da Oi / Telemar, crime ocorrido nesta madrugada com o uso de maçarico.

Na casa de Júnior, em Porto Calvo, os policiais apreenderam 13 baterias além de diversos outros equipamentos de telecomunicação. Os agentes prenderam, inicialmente, Telsson da Silva Cavalcante, 20. Ele havia comprado cinco baterias a Júnior por R$ 800. Os policiais chegaram ao receptador porque um dos equipamentos furtados possuía chip de rastreamento via satélite.

“As baterias estavam no paredão pertencente a Telsson. O carro se encontrava estacionado numa rua paralela à rodovia AL-105, em Porto Calvo”, revelou o delegado. O acusado alegou que não sabia que os equipamentos eram roubados. Ele foi autuado pelo crime de receptação.

One thought on “Dois são presos por furto e receptação de baterias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *