Desgastada, torre de telefonia representa perigo em Maragogi

Pedaço de concreto atingiu telhado de um imóvel da Oi (Fotos: Severino Carvalho)
Pedaço de concreto atingiu telhado de um imóvel pertencente à própria Oi (Fotos: Severino Carvalho)

Reportagem da Gazeta de Alagoas, edição desta sexta-feira (27), revela que a torre da Oi Telecomunicações, instalada no Alto do Cruzeiro, em Maragogi, Litoral Norte de Alagoas, apresenta sinais de desgaste. Da estrutura com cerca de 80 metros de altura, construída há mais de 20 anos, soltam-se pedaços de concreto, que já atingiram uma criança. Moradores e o dono de um restaurante cobram providências à empresa de telefonia.

“Eu fico mais afastada da torre, debaixo daquela mangueira. Tenho cuidado, porque essa torre é velha demais”, disse a vendedora de sequilhos Miriam Barros, 29 anos, que instalou uma banca perto da torre onde vende as broas, também conhecidas como “bolinhos de goma”.

O local é bastante frequentado por turistas por causa da visão panorâmica que oferece de Maragogi e do mar da Costa dos Corais. Dono de um restaurante perto dali, Josemir Cavalcanti conta que há cerca de sete meses a Oi cercou a área onde fica a torre com arame farpado, mas as pessoas continuam a passar perto do local.

“Os pedaços de concreto não caem só na área da Oi, caem na passagem, na rua, e podem atingir alguém ou algum veículo. É preciso que providências sejam tomadas urgentemente”, afirmou Josemir Cavalcanti.

De acordo com o comerciante, há cerca de um mês uma criança de 12 anos teve a perna atingida por um pedaço de concreto que despencou da estrutura. Na terça-feira passada, mais dois pedaços, desta feita bem maiores, caíram atingido parte da cobertura de uma instalação da Oi, junta à torre.

Portão

Josemir mostra pedaços de concreto que caíram na terça-feira, 24
Josemir mostra pedaços de concreto que caíram na terça-feira, 24

A estrutura de concreto armado tem uma entrada em sua base, cujo portão foi arrancado. Josemir Cavalcanti cobra, ainda, que o bloqueador de passagem seja reposto para evitar que pessoas escalem a estrutura, pratiquem vandalismo e até mesmo furtem fios e outros materiais metálicos de valor, como já ocorreu.

A instalação da torre no Alto do Cruzeiro sempre foi motivo de muitas discussões, polêmicas e até de ações judiciais. A estrutura foi apontada por moradores do Centro da cidade como causadora da desestabilização do morro que, no passado, sofreu com deslizamentos de terra em tempos de chuva. Casas foram atingidas.

Contactada, a assessoria de Comunicação da Oi informou que “técnicos serão enviados ao local e, constados os danos, os mesmos serão reparados o mais brevemente possível”.

One thought on “Desgastada, torre de telefonia representa perigo em Maragogi

  1. O engraçado é a oi falar que vai constatar o problema e resolver o mais rapidamente possível ou seja ela nunca fez uma vistoria. Realmente sem sentido a irresponsabilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *