3 assaltantes são presos e 1 morre em troca de tiros

Assaltante foi morto em troca de tiros no Sítio Praxedes, em Jacuípe (Fotos: Severino Carvalho)
Assaltante foi morto em troca de tiros no Sítio Praxedes, em Jacuípe (Fotos: Severino Carvalho)

Um assaltante morreu numa troca de tiros com a Polícia Militar (PM) e três foram presos após tentarem assaltar uma casa lotérica no município de Jacuípe, região Norte do Estado na manhã desta quarta-feira.

Os quatro criminosos não conseguiram roubar o estabelecimento por causa da blindagem. Eles chegaram a efetuar dois disparos de arma fogo dentro do estabelecimento, que havia acabado de abrir, por volta das 8 horas. Ninguém se feriu.

Todos os integrantes da quadrilha são pernambucanos. Foram presos: Edmilson Ramos da Silva, 24 anos, natural de Palmares; Gilvan Pedro Bezerra, 23, de Bonito; e Lucas Carlos Malaquias da Silva, 24, de Lagoa de Itaenga. Na troca de tiros com a polícia, morreu Wellington Antônio da Silva, 22, natural de Palmares.

Três revólveres do calibre 38 (municiados), uma garrucha (carregada), três celulares, um relógio e R$ 10 em cédulas foram apreendidos pela polícia, além de duas motos: uma Honda CG vermelha, 125 cilindradas, sem placas e uma XRE-300 c.c., placa PFX-4305/PE. Esta tem queixa de roubo em Caruaru (PE). Após a tentativa de assalto à Casa Lotérica Jacuípe, os bandidos realizaram uma espécie de arrastão: roubaram clientes que estavam numa padaria, em frente à lotérica, na Rua do Comércio.

O bando seguiu nas motocicletas até a Rua Miguel Morato, onde assaltaram a funcionária de um mercadinho. Dentro do estabelecimento, há um correspondente bancário da Caixa Econômica Federal (Caixa Aqui), mas a quadrilha não conseguiu levar dinheiro, porque a funcionária acabara de iniciar o expediente. “Eles queriam dinheiro, mas não tinha. Levaram apenas o meu celular”, disse a funcionária.

IMG_9142
Acusados foram conduzidos à delegacia regional de Novo Lino

Na fuga, uma das motos enguiçou e dois dos assaltantes fugiram a pé. Nesse momento, uma guarnição do Grupamento de Polícia Militar (GPM) de Jacuípe cruzou com os bandidos e iniciou a perseguição. A guarnição contou com o apoio de policiais militares que moram na cidade.

Eles estavam de folga no momento da ação criminosa e se engajaram na operação policial que resultou na prisão dos três acusados e na morte de um deles. Equipes da Companhia Independente de Joaquim Gomes (Pelopes) e dos GPMs de Novo Lino e Jundiá deram apoio à operação. Até uma guarnição da companhia de Porto Calvo, ligada ao 6° BPM, esteve em Jacuípe em auxílio.

Os assaltantes foram encurralados na Rua Manoel Damião, onde trocaram tiros com a polícia. Eles ingressaram por um cercado, no Sítio Praxedes. Neste local, Wellington tombou atingido pelos disparos efetuados pelos policiais. Os militares conseguiram prender os três assaltantes em fuga. Eles foram conduzidos para a delegacia regional, em Novo Lino, onde serão autuados em flagrante pelo delegado Antônio Nunes.

2 thoughts on “3 assaltantes são presos e 1 morre em troca de tiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *